Reforma_em_fachadas_tecnica_ou_estetica.jpg

Reforma em fachadas: técnica ou estética

12/02/2015

A reforma técnica consiste na manutenção do bom estado de conservação de sua estrutura, priorizando o tratamento de ferragens, recomposição de emboços, aplicação de selador e reparos de fissuras e rachaduras.

A reforma estética utiliza técnicas de pintura e restauração, visando ressaltar a beleza da construção, com a finalidade de valorizar ainda mais o imóvel.

Às vezes, a fachada apresenta um visual aceitável, mas pequenos detalhes podem colocar em risco a parte estrutural do edifício.

A aparência é um fator determinante, contudo, existem problemas de infiltração através de fissuras e trincas, os quais acabam prejudicando os moradores. Por isso, se faz necessário o tratamento e reparo para que esses problemas não sejam agravados com o tempo.

Pintura

Este revestimento de fachada está presente em cerca de 90% dos edifícios brasileiros. Basicamente consiste na utilização de uma tinta adequada para o material da construção. Ela possui um excelente custo benefício. Pode não ser chique, mas é uma solução prática e mais em conta.

Pastilhas

Extremamente versáteis e de fácil instalação, as pastilhas são, sem sombra de dúvidas, campeãs de venda e de longevidade. Este material existe aqui no Brasil desde meados dos anos 50. O maior problema é garantir que sua aplicação seja feita corretamente, evitando problemas com bolhas e má colocação. Isso porque, com a movimentação natural do edifício, ou pelas variações de temperatura, as pastilhas podem ficar tortas ou mal posicionadas.

Revestimentos cerâmicos

A facilidade de limpeza é um dos grandes chamarizes deste tipo de material. Seu uso em locais específicos pode ser extremamente útil, mas o mais adequado é um estudo aprofundado do ambiente, para realizar uma combinação eficiente e de bom custo benefício.

Existem ainda as fachadas pré-fabricadas, que possuem diversas especificações e formatos, muitas vezes modulares, para se encaixarem onde for necessário, de acordo com as necessidades do ambiente.

Produtos antipichação

Um dos maiores e mais incontroláveis inimigos das fachadas são as pichações. Crianças, adolescentes e adultos formam grupos amplos, conhecidos como famílias, e deixam suas marcas por onde passam, utilizando sprays e canetões especiais, como forma de registro de sua passagem, demarcação de território, ou simples prazer em depredar o patrimônio alheio. E neste quesito, uma fachada intacta parece tentadora para esses marginais.

Alguns produtos são incorporados na superfície, outros são aplicados como uma tinta normal. Normalmente, as superfícies pintadas possuem diversos poros. Então, a tinta da pichação invade camadas profundas, chegando até mesmo à parede propriamente dita. A tinta especial, ao secar, forma uma camada lisa, sem poros nos quais a pichação possa se fixar. Dessa forma, sua retirada é facilitada por completo. Existem diversos tipos de acabamento, desde tintas acrílicas até materiais semelhantes à madeira.

A limpeza, algumas vezes, é realizada com o uso de solventes, como álcool ou derivados do petróleo, mas outros materiais necessitam apenas de uma boa esfregada.

Assista nossos vídeos no Youtube Notícias Trabalhe Conosco
Todos os direitos reservados. Constata Construções Ltda.